O impacto do fim da política monetária americana não convencional sobre a economia brasileira

Karlo Marques Junior, Adriane Conceição Galvão

Resumo


O objetivo principal deste trabalho é estimar os prováveis efeitos do tapering – volta da política monetária americana ao nível padrão, após o afrouxamento da monetário causado pela política de quantitative easing – sobre a economia brasileira. Os dados utilizados foram do período de julho de 1999 até outubro de 2015. As metodologias utilizadas foram: um modelo ARIMA estimado por máxima verossimilhança e os impactos sobre as variáveis macroeconômicas verificadas por vetor autorregressivo com correções de erros (VECM). Os resultados mostram que um aumento da taxa de juros americana tem influência sobre as variáveis da economia Brasileira. Entre as consequências de curto prazo estão: a desvalorização da taxa de câmbio, impacto negativo sobre o PIB, o aumento da inflação, além de uma melhora no saldo da balança comercial, seguida por uma deterioração.

 


Texto completo: PDF



ISSN: 1808-575X - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo