Análise da política monetária nacional sob a perspectiva do Novo Consenso Macroeconômico

Irina Mikhailova, Denise Piper

Resumo


Os objetivos principais do trabalho consistemem sintetizar as ideias apresentadas pordiferentes autores considerados pertencentes ao chamado Novo Consenso Macroeconômico (NCM) em uma única estrutura formal – a qual contemple o que se mostra um verdadeiro consenso entre os mesmos –, bem como analisar a política monetária nacional sob a luz de preceitos relativos à referida linha de pensamento. Faz-se uma breve revisão dos principais trabalhos que se voltaram à exposição de modelos formais do NCM com o intuito de derivar uma estrutura formal síntese. Os modelos formaisdo NCM, no contexto de uma economia fechada, abrangem, em geral, três equações básicas, quais sejam, uma curva IS, uma Curva de Phillips e uma Regra da Conduta da Política Monetária (ou função de reação do Banco Central). A função de reação do Banco Central obtida foi utilizada, no presente trabalho, para verificar a adequação da conduta das autoridades monetárias nacionais às ideias relativas ao Novo Consenso Macroeconômico, fazendo-se uso de instrumental econométrico e empregando dados referentes à economia brasileira, de periodicidade mensal, para o período compreendido entre julho de 2001 e dezembro de 2009. A análise dos resultados revelou que a condução da política monetária nacional no período aparentou adequar-se parcialmente à função de reação síntese obtida como representativa do NCM.

Palavras-chave: Novo Consenso Macroeconômico, política monetária, função de reação do Banco Central.


Texto completo: PDF



ISSN: 1808-575X - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo