História, natureza e ética nos escritos de viagem de Ezequiel Martínez Estrada

Fabio Muruci

Resumo


Este artigo oferece uma análise dos escritos de viagem do ensaísta argentino Ezequiel Martínez Estrada aos Estados Unidos. Martínez Estrada visitou o país em 1942 como parte de um programa cultural para estimular o contato com escritores da América Latina. Escreveu um diário de viagem com anotações sobre relações raciais, política e vida literária em várias cidades norte-americanas, incluindo Miami, Washington e Chicago. Depois de regressar para a Argentina, publicou um longo ensaio sobre os EUA. Esses textos apresentam algumas perspectivas diferentes sobre o assunto. Ambos, contudo, apresentam uma reflexão sobre a especificidade da formação histórica dos Estados Unidos e da Argentina, abordando vários pontos também presentes em Radiografía de la Pampa. O autor sugere que essas diferentes experiências históricas e a relação de cada uma com seu passado são questões fundamentais para entender a ética de cada uma dessas sociedades.

Palavras-chave: Ezequiel Martínez Estrada, Estados Unidos, Argentina, história, ética.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4013/htu.2016.202.07



ISSN: 2236-1782 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues
 
 
 
 
 
   
 
 
 
 
 
 
 
 

SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo