Colonização japonesa em Santa Catarina: metamorfoses na imigração tutelada

André Souza Martinello, Ely Bergo de Carvalho

Resumo


Este artigo, escrito a quatro mãos, analisa algumas mudanças na imigração japonesa para o Brasil a partir do caso de Santa Catarina, nas décadas de 1960 e 1970. Mobilizando fontes do aparato estatal, jornais e entrevistas, aqui abordamos de que forma os japoneses eram representados como migrantes que iriam “modernizar” o campo, justificando o apoio estatal brasileiro a tais imigrantes. Assim, em Santa Catarina, a migração de nikkeis não segue o modelo de migração tutelada anterior à Segunda Grande Guerra, com forte participação do governo japonês, mas, através de outros mecanismos que apontamos neste artigo, continua a acontecer uma “tutela” que favorece a atração de tal grupo étnico.

Palavras-chave: imigração tutelada, colonização, reforma agrária, nikkeis.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4013/htu.2011.153.13



ISSN: 2236-1782 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues
 
 
 
 
 
   
 
 
 
 
 
 
 
 

SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo