ENSINO DE PORTUGUÊS PARA ESTRANGEIROS EM FOCO: REVISITANDO O USO DOS PRONOMES OBLÍQUOS EM GRAMÁTICAS DO PORTUGUÊS BRASILEIRO

Luiza Ujvari Pabst, Gabriel de Ávila Othero

Resumo


Considerando o grande crescimento econômico do Brasil e a atração de olhares para o país, que hoje se configura como uma economia emergente, cheia de potenciais e oportunidades, e a consequente expansão do ensino de português para estrangeiros (PPE) no mundo, é necessário pensar de forma mais criteriosa sobre o ensino de português que é oferecido para estrangeiros no Brasil. Assim, várias questões ainda sem resposta surgem constantemente para os professores brasileiros de PPE, como a questão da variação linguística (muito presente no Brasil), ponto central nas mais diversas discussões sobre o ensino de línguas. Sendo assim, após discorrer brevemente sobre a norma culta no Brasil, analisamos duas gramáticas de PB (PERINI, 2010 e BAGNO, 2012) em um ponto gramatical polêmico para o ensino (o uso e a colocação dos pronomes oblíquos), a fim de tentar determinar qual seria a melhor abordagem no ensino para estrangeiros sobre o uso adequado desses pronomes, de acordo com a norma culta.

Palavras-chave


ensino de português para estrangeiros. variação linguística. gramática.

Texto completo: PDF



ISSN: 1806-9509 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122



Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo