Caracterização das técnicas construtivas em terra edificadas no século XVIII e XIX no centro histórico de São Luís (MA, Brasil)

Margareth Gomes Figueiredo, Humberto Varum, Aníbal Costa

Resumo


O conjunto arquitetônico do centro histórico de São Luís do Maranhão, situado na região nordeste do Brasil, possui aproximadamente 5.600 imóveis tombados, sendo 1.400 inscritos, em dezembro de 1997, na Lista de Patrimônio Mundial da UNESCO (s.d.). O acervo arquitetônico dos séculos XVIII e XIX é constituído de sobrados (térreo para uso comercial e demais pavimentos para uso residencial), solares, construções de acabamento requintado, exclusivamente de uso residencial das famílias abastadas, e das edificações térreas onde moravam pessoas de menor poder aquisitivo. O sistema construtivo das edifi cações do centro histórico pode ser considerado misto, pois apresenta na mesma edificação paredes mestras estruturais em pedra argamassada com cal  (em casos mais raros, adobe) e paredes divisórias internas confeccionadas nas técnicas de pau-a-pique (também conhecida como taipa de mão), cruz de Santo André (ao estilo da gaiola pombalina) e tabique. Portanto, a maioria das alvenarias em terra ocorre nas divisórias internas, sendo em muitos casos de intervenção substituídas por técnicas  contemporâneas.Esta pesquisa estuda a tipologia das alvenarias em terra das edificações dos séculos XVIII e XIX, inseridas nas áreas de tombamento federal e estadual do centro histórico de São Luís. Pretende-se, no âmbito deste estudo, caracterizar e detalhar a tipologia das alvenarias em  terra, percebendo-as a partir do momento histórico, cultural e socioeconômico em que foram produzidas. Em outros termos, pretende-se contribuir para o preenchimento de uma lacuna sobre o conhecimento científico e tecnológico dos sistemas das estruturas construídas com terra em São Luís nos séculos XVIII e XIX, o que, por sua vez, resultará em importante contributo para sua preservação e reabilitação.

Palavras-chave: técnicas construtivas tradicionais, tipologia, construções em terra.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4013/1280



ISSN: 1808-5741 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122

Os croquis utilizados no banner (da esquerda para a direta): Pavilhão do Brasil na Expo 70 (Osaka, Japão) e Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) do arquiteto Paulo Mendes da Rocha©.

Projeto gráfico: Jully Rodrigues
 
 
 
 
  
 
 
 
 
 
 
 
 
 

SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo